√Ārvores Inteligentesūüé¨Document√°rio

O especialista em florestas, alem√£o Peter Wohlleben se uniu √† ecologista canadense Suzanne Simard para gravar um document√°rio chamado ‚Äú√Ārvores inteligentes‚ÄĚ, que explora a conex√£o entre as √°rvores de uma floresta.

ūüé•TRAILLERūüé•

ūüĎá

√Ārvores Inteligentes

A parceria entre os dois surgiu quando Suzanne Simard, pesquisadora da Universidade de British Columbia, publicou um trabalho na revista Nature explicando o funcionamento das redes de comunica√ß√£o e troca de subst√Ęncias entre √°rvores.

Nenhuma √°rvore √© uma ilha ‚Äď ela evoluiu nos √ļltimos milhares de anos como parte de uma floresta. Escondido abaixo do solo fica um labirinto de fungos chamado de rede micorriza.

Essa rela√ß√£o de troca de ajuda e prote√ß√£o entre √°rvores e fungos em uma floresta tamb√©m √© conhecida como Wood-Wide Web, a ‚Äúinternet da natureza‚ÄĚ.

Através dessa rede de fungos, as árvores mais velhas podem ajudar as mais novas e plantas de folhagem perene podem ajudar as caducifólias.

Além disso, espécies que estão morrendo na região por conta de pragas ou mudança climática podem enviar nutrientes para espécies mais resistentes antes de morrer.

Rede de conexão entre as arvores através de fungos: a Internet da Natureza

Rede de conexão entre as arvores através de fungos: a Internet da Natureza

Essas conex√Ķes s√£o compostas de filamentos de fungos que crescem ao redor e nas ra√≠zes das plantas, e geram florestas de cogumelo, que conecta as √°rvores ‚Äď inclusivamente de esp√©cies diferentes.

‚Äú√Ārvores s√£o muito mais do que filas de madeira aguardando serem transformadas em m√≥veis, constru√ß√Ķes ou lenha‚ÄĚ, diz Peter Wohlleben.

‚ÄúElas s√£o mais do que organismos que produzem oxig√™nio ou limpam o ar para n√≥s. Elas s√£o seres individuais que t√™m sentimentos, que conhecem amizade, t√™m uma linguagem comum e cuidam umas das outras‚ÄĚ, explica o cientista alem√£o.

Conhe√ßa  Tamb√©m  

A Vida Secreta das Plantas 

Os autores demonstram como as plantas são seres sensíveis.

Memorizam experiências de prazer e dor, sentem afeto e medo, são capazes de comunicar-se com os homens.

Baixe o livro AQUI 

 

// HypeScience

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de coment√°rios s√£o processados.